Enfermeiro morre após ser infectado com agulha contaminada em hospital

O Conselho Regional de Enfermagem de Minas Gerais (Coren-MG) acompanha as apurações da morte do enfermeiro Maurício Vargas, de 30 anos. Ele era funcionário do hospital Life Center, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, havia pelo menos dois anos. Informações iniciais dão conta de que Vargas foi a óbito após contrair uma infecção generalizada tentando introduzir uma agulha na veia de um paciente, que estava no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) da unidade de saúde. O enfermeiro foi enterrado nessa segunda (6), uma semana após o acidente. Uma prima de…

Leia mais